Indie Game ou Independent Game? Qual é a diferença?

Geoff Gibson, autor deste post no DIYGamer, escreveu atravez de seu ponto de vista detalhes sobre o que seria um “Indie Game” e “Independent Game”. Eu, meio que pegando carona com o post do Geoff Gibson, também vou escrever sobre esse assunto aqui no Play Indie Games, inclusive eu mencionei sobre este post com o próprio Gibson.

Quando eu comecei a escrever neste humilde blog, eu apenas pensei nos Indie Games, porém com o tempo, notei que embora minhas expectativas iniciais eram escrever sobre Indie Games, eu cheguei a dar uma pequena atenção ao segundo lado, os Independent Games. É realmente embaraçoso entender ambos e suas diferenças em diversas conclusões, mais é por isto que estou escrevendo este post, para tentar calar dúvidas e opor conclusões. Aqui no blog eu escrevo sobre Indie Games e Independent Games, e sim, isto pode ser considerado uma falha da minha parte. Mesmo levando em consideração que Indie é uma abordagem aceitável para ambos os mercados de jogos propostamente independentes, não é justo impor Indie Games a Independent Games, como tudo já dito, é obvio que os dois são distintos a estilos diferentes de desenvolvimento.

Bem, vamos ao que interessa:

Indie Game

Escrevo sobre Indie Games o tempo todo, este realmente ainda é o assunto mais autentico deste blog, todavia Independent Games também tem ganhado seu espaço aqui.

Um Indie Game é exatamente um Indie Game, porque? Você provavelmente pensa nele como um game “Indie”, estou certo? É isto, um Indie Game é isto! Não há o que repercutir sobre está abordagem, mais claro, ainda existem as especificações que determinam um Indie Game. Os Indie Games diretamente falando, tratam-se de games sem pessoas de peso envolvidas — algo como uma planta sem água, entende!? Isto acontece devido a falta de uma estável comercialização no mercado e financiamento, que resulta em um game sem grandes investimentos para sua entrada no mercado comercial. Dizer que este é o motivo pelo o qual existem diversos games a preços baixos e em alguns casos, de graça, é correto em geral, não necessariamente um fato, mais uma conclusão. Do citado, este é o caminho correto que um desenvolvedor de Indie Games  tem que percorre, e talvez por isto, a maior parte são desenvolvidos em qualquer lugar, como por exemplo em um fundo de garagem, quarto pessoal, colégio ou em qualquer lugar, isso dependendo do atual desenvolvedor. Sendo estes games desenvolvidos em qualquer lugar, é estes os verdadeiros Indie Games.

Neste blog eu costumo dá atenção a este tipo de games, se você ler este blog, provavelmente você sabe, e por mais que alguns tenham críticas negativas sobre estes games, está é a realidade, não dá para ser mudada.

Alguns Indie Games dignos da palavra “Indie”:  Crayon Physics Deluxe, VVVVVV e BOH.

Independent Game

Independent Games, mesmo tratando-se teoricamente de Indie Games, eles possuem suas diferenças, eu pessoalmente não tinha um conhecimento muito amplo dos Independents Games em geral, tinha conclusões sobre as duas formas de se referi a um Indie Game e via isto como algo sem restrições. Agora, após ler o post de Geoff Gibson, a ficha caiu, eu ganhei conhecimento e estou compartilhando com vocês. As palavras de Gibson são pessoais sobre o atual situação do DIYGamer por parte disto, o que leva a considerar um pouco de opiniões próprias em relação a todo o assunto, fazendo com que cada pessoa tenha sua própria opinião a ser compartilhada.

É compreensível julgar Indie Games como o mesmo que Independent Games — eu inclusive tinha este pensamento, só que, você deve ter conhecimento de uma coisa, um Independent Game caracteriza um novo estilo de Indie Game, não exatamente uma novidade, mais uma extensão para a separação de duas categorias aparentemente diferentes.

Um Independent Game em uma abordagem mais justa, trata-se de um game oposto a um Indie Game em formas de desenvolvimento. O Independent Game tem uma equipe grande, e isso varia de empresa para empresa, beirando de 10 ou + pessoas trabalhando em um mesmo game, estas equipes são financiadas, tem seu local de trabalho e dispõe de todo equipamento necessário para trabalhar sem constrangimento. Quando o game chega ao mercado, seu investimento inicial paga os primeiros impactos do mercado atual sem muito sufoco, isto porque a empresa já está preparada em um determinado ponto para este acontecimento.

Este tipo de game não recebe uma atenção muito além da dos Indie Games na mídia, e isso ocorre porque realmente os Independent Games não são grandes games aos pés de um Call of Duty da Activision, não, não é uma crítica, é um fato, mesmo um Independent Game tratando-se de um Worms (Team17), por exemplo, é difícil ele chegar aos olhos da mídia como seria um novo Call of Duty. A atenção da mídia para um Independent Game acaba meio que impactante apenas com a voz dos consumidores, caso eles não digam: “aquilo é foda” a mídia não procura dizer, e é assim que todo a mídia e o mercado reage aos Independent Games, que embora sejam bem investidos, ainda são comparáveis aos Indie Games em uma forma geral de compromisso.

Alguns Independent Games dignos da palavra “Independent”: Torchlight, Shattered Horizon e Worms.

Eu passei um pouco das diferenças entre ambas categorias de games Indie, mais infelizmente não é o suficiente para comprar um Indie Game de um Independent Game, vejamos só, o Gibson mencionou que Machinarium, o maravilhoso point-and-click da Amanita Design, para todos um Indie Game, como um Indepedent Game, e sim, isto é uma coisa realmente justa, A Amanita Design, mesmo opondo-se ao mercado de Indie Games, no passado trabalhou com grandes empresas, estas são a BBC, Nike, e bandas como a The Polyphonic Spree.

Desconsidere um confronto da parte de Gibson com a Amanita Design, ela é uma empresa incrível e tem se mostrado Indie dês de sempre, mais é como o Gibson disse, as coisas podem ser bem embaraçosas, confundindo todos nós em quando tal empresa é Indie ou Independent.

O Play Indie Games é um blog dedicado a Indie Games e Independent Games, e mesmo eu tendo apresentado uma certa exclusividade aos Indie Games, eu já escrevi sobre Independent Games por aqui, talvez seja uma situação embaraçosa, até pelo o fato do nome criar aquele ar de apenas “Indie Games”, todavia espero que isto seja compreensível, já que para todos os efeitos, Indie é Indie e pode ser derivado de Independent, ok!?

A diferença de Indie Games para Independent Games em uma forma direta a se dizer para vocês, é uma opinião própria, você meio que decide, se eu escrevi o que escrevi, isto foi para calar dúvidas e conciliar melhor Indie com Independent, para que, de uma forma sincera, estes dois tipos de games sejam distinto de suas próprias características aos pessoas.

Criei este post com o intuito de ajudar a esclarecer está diferença, isso de uma maneira descontraída e rápida, eu realmente espero que todos gostem, e… caso tenha dúvidas, sugestões, críticas e elogios, sinta-se a vontade para comentar a baixo, farei o possível para acatar as suas palavras nos comentários.

Agradeço Geoff Gibson por me inspirar a escrever este post.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s