Super Meat Boy para PC liberado!

Acabou a espera, Super Meat Boy enfim chegou ao PC. O indie game que mais balançou corações nos últimos dias, é finalmente uma realidade para todos os PC Gamers. Agora… tudo depende de você, e isso vale especialmente para o futuro da Bandage Girl, esse está nas suas mãos e cá entre nós, você não vai permitir que o Dr. Fetus maltrate a princesa dos sonhos do Meat Boy, né?

Com  (em USD) você garante uma cópia de Super Meat Boy no Steam com muito recheio, e quando digo muito recheio, refiro-me aos dezesseis personagens desbloqueáveis de outros marcantes indie games, o exclusivo Head Crab, trinta e três legítimos achievements, um editor e portal de níveis (mas só no próximo ano) e muito mais.

COMPRE AQUI

Mais informações, visite: supermeatboy.com

P.S. Antes que eu me esqueça, cuide bem da saúde do seu dedo, o Meat Boy não é o único que vai sofrer pela a insolência do Dr. Fetus. 😛

Review: BIT.TRIP BEAT

Tudo começou com um marketing viral da Gaijin Games no final de 2008, quando o surgimento de um tal de Commander Video teve seu estranho sinal de existência visível para muitos de forma confusa — aliás, não deixe de ler esse texto aqui (em inglês) caso tenha interesse em saber mais sobre. Então, o Commander Video foi apenas uma pequena parede para a grande trunfo da desenvolvedora Gaijin Games, que no primeiro trimestre do ano seguinte revelou a série de games atualmente em sua reta final BIT.TRIP.

A série BIT.TRIP, antes inteiramente exclusiva ao WiiWare do Nintendo Wii, chegou no PC/Mac, não como uma série “confirmada” por enquanto, mas o primeiro episódio, o BIT.TRIP BEAT (já à venda no Steam), é um grande passo para os próximos episódios da série chegarem também para PC/Mac.

Continuar lendo Review: BIT.TRIP BEAT

Anbot (Pencilkids Games)

São muito apreciáveis os pequenos point-and-click via navegador que deparamos em algum momento como uma forma de distração sem grandes expectativas.  A Pencilkids Games, desenvolvedora de uma razoável quantidade de games point-and-click, trouxe mais uma de suas criações ao publico online.

Anbot, point-and-click de aventura sobre um robô a mercê do trabalho indesejado que depois de ter uma repentina recuperação de memória mostrando bons momentos que ele nunca sentiu-se tão necessitado de obter, recusá-se a continuar trabalhando e começa uma fuga pela sua sobrevivência. Mediante as dificuldades, posso dizer que não existe uma específica no game, os puzzles estão ali e tudo mais, todavia não cumprem seu papel do jeito mais complexo de ser — nada que tire a diversão de ajudar aquele ingênuo robô, mas os puzzles deixam muita a desejar principalmente quando o fator é a duração, estimada em poucos minutos.

Apesar de alguns fatores devessem ter sido melhor elaborados, Anbot é um game muito divertido, dispõe de uma historinha de fundo elegante e pode sim agradar a muitos por alguns transparentes minutos.

[LINK PARA O GAME AQUI]

Radical Fishing (Vlambeer)

Há dois meses atrás a Vlambeer, mais conhecida por seu incrível game Super Crate Box (leia mais sobre aqui), soltou um teaser do game Radical Fishing (confira abaixo), este aliás que teve sua liberação online recentemente.

Radical Fishing é um game sobre o pescador Billy, um solitário homem que sobrevive parado com seu bote em algum lugar no meio do mar cujos mais sonhados suprimentos de pesca que um pescador pode desejar são acessíveis a ele por alguns dinheiros.

O dinheiro do game é ganhável fácil fácil, basta pescar inicialmente uns peixinhos minúsculos e matá-los cruelmente (sim, cruelmente!) e você acaba de garanti boas compras de suprimentos caso tenha faturado bem, claro. Entre os suprimentos, está uma razoável variedade de armas, carretéis de linha para explorar as profundezas marítimas e outros suprimentos de pequenas pequeno e útil porte como, por exemplo, a serrá elétrica, a lâmpada e entre outros que acabam sempre tendo uma boa postura de utilidade no game.

Quando se inicia uma pesca e a sua linha é jogada no mar, você deve obviamente colidi seu anzol com um peixe para pescá-lo e seguidamente puxá-lo (ao infinito e além — nas palavras de um amigo estelar) para fora do mar. Acontece que, conforme o limite de metros que sua linha pode atingi, você vai sentir-se pressionado às grandes riquezas escondidas cada vez mais no fundo, fazendo sua cabeça contra os pequenos peixes para investi de verdade nos grandes e valiosos peixes que nadam nas profundezas do mar (eu não vou nem comentar o que você encontrará no fundo do mar deste game).

Só pra constar, este é mas um viciante e divertido game da Vlambeer. :mrgreen:

[LINK PARA O GAME AQUI]

Cave of no return (Anders Andersson)

Mesmo que eu nunca consiga igualar os grandes amantes de”high scores”, é apaixonante tentar uma posição por mais impossível que seja. Cave of no return, humilde game de Anders Andersson é, para quem jogou Canabalt, um game similar.

A proposta do Cave of no return é ajudar uma menina a correr de desabamentos, pular e até deslizar se for preciso para não ser atingida por inconvenientes espinhos que você vai depará-se com frequência na caverna à beira da ruína. Os desafios pelo o caminho são bem satisfatórios, do tipo fácil de compreender, mas difícil de agir parcialmente com a ação rápida que o game oferece. Algo que torna as coisas assim digamos ainda mais difíceis é os espinhos pelo caminho, estes podem confundi muito o jogador porque a palheta de cores do game é mantida nos espinhos e estes recebem nada mais que um brilho adicional quando deparados, confundindo e até tornando-os imperceptível.

Cave of no return é muito agradável de se jogar, se curte um bom game de velocidade lateral baseado em high scores, você provavelmente vai apreciar  muito este game.

[DOWNLOAD AQUI]

Robot Unicorn Attack Heavy Metal (AdultSwim)

Depois do sucesso instantâneo que foi o primeiro Robot Unicorn Attack (jogue aqui), a AdultSwim não mediu esforços para trazer o “brilho” do primeiro Robot Unicorn Attack em uma nova versão do game que fará você entrar fundo nos seus piores pesadelos (é… os momentos de sonho se foram).

Robot Unicorn Attack Heavy Metal, a prova jogável de que os tempos mudaram para o adorável corcel colorido que no primeiro game foi parceiro de salto de golfinhos, neste novo game retrata um estilo Heavy Metal meio possuído e sombrio. Ao som da música Battlefield da banda metal Blind Guardian você vai pular por criaturinhas esquisitas de assas, dar dash nas cabeças de unicórnio centradas em estrelas e dizer “oi” para seu novo parceiro de salto, uma cabeça de peixe com corpo de verme (é verme né?).

Como Robot Unicorn Attack Heavy Metal foi inicialmente lançado para iOS, adianto que sua versão via navegador (nem preciso dizer que o link para jogá-la fica abaixo) finalmente está acessível para qualquer um que possua um navegador e acesso a internet. 😉

LINK PARA O GAME

World of Goo em breve no iPad e World of Goo 2 já é uma possibilidade!

Quem aqui não sabe sobre World of Goo levanta a mão. Como eu pensei, ninguém — ou pelo menos não que eu veja, certo? Até porque também você não pode não saber sobre este game. 😛

Se World of Goo é tão incrível no Nintendo Wii e computadores, imagine todo aquele mundo de goos no iPad agora… so amazing? Não? Segundo a 2D Boy (I love you, 2D Boy), World of Goo está extremamente próximo do termino, tanto que no presente momento aguarda aceitação na AppStore e quando esta for concedida, prepare-se, “World of Goo on iPad releasing soon”.

Então, a versão do World of Goo para iPad não é o único pronunciamento de longa data que a 2D Boy liberou recentemente, tem excitantes novidades acerca de World of Goo 2, permitindo-me dizer que é certa a empolgação do time para encarar o grande desafio de continuar um game como World of Goo, tanto que foi mencionado a insegurança e perspectiva de que a continuação pode vir a ser realmente merecida e trabalhada.

Aqui você confere mais informações e alguns outros detalhes interessantes (em inglês).