A Day In The Woods: adorável game sobre a Chapeuzinho Vermelho baseado em hexágonos

É admirável as possibilidades que um conto de fadas clássico como o da Chapeuzinho Vermelho pode render aos mais diversos meios de entretenimento, e isso vale mais precisamente para uma abordagem diferente deste conto de fadas através dos games em um outro ângulo de visão, que é o que ocorre no belíssimo A Day In The Woods.

A Day In The Woods é um pequeno puzzle game desenvolvido pela RetroEpic Software que eleva o conto da Chapeuzinho Vermelho à outro patamar para uma experiência jogável realmente unica baseada em tabuleiros hexadecimal e suas façanhas. O game consiste em níveis repletos de hexágonos, e você é um tipo de “guia” para a nossa Chapeuzinho Vermelho, que ao início de cada nível, estará impossibilitada em algum lugar do tabuleiro, aguardando que você possa movimentar com inteligencia tanto seu hexágono, como os demais do tabuleiro — já que a passagem entre estes depende da forma como foram manipulados; para então, finalmente alcançar o hexágono da casa da vovó. Há hexágonos variados, uns estão ali para ajudar, mais principalmente para dificultar as coisas, um exemplo destes hexágonos é o hexágono do lobo, que é uma ameaça clara para a Chapeuzinho.

Você pode comprar imediatamente a versão completa do game para PC/MAC com 60 níveis e alguns conteúdos desbloqueáveis AQUI por $5 dólares ou experimentar a versão demo disponível no site oficial.

[MAIS INFORMAÇÕES]

Running Men (mif2000)

A mif2000 (Hamlet, Ideabox) liberou mais um de seus games experimentais, e o desta vez consegue superar todas as pérolas trazidas pelos seus games experimentais anteriores que talvés você já tenha jogado.

Running Men é um puzzle game de arcade comum sobre uma corporação global que está procurando pelo gerente perfeito, e que para encontrá-lo, precisa realizar treinamentos especiais que consistem em transformar uma porção de candidatos ao cargo em cobaias, daí treinamentos rigorosos que exigem habilidades absurdas serão exigidos destes candidatos caso estejam realmente interessados em ariscar suas vidas por uma vaga tão importante dentro desta corporação.

Durante o game você deverá ajudar os candidatos a atravessar de uma porta para outra com segurança, mas como segurança aqui está em último lugar, é preciso agilidade no mouse para movimentar os meios de acesso as portas de saída, pois se você falhar, um candidato morre, então trate de fazer a vida de cada um valer a pena. :mrgreen:

Lembrando que esse game é proibido para menores de 16 anos, portanto jogue apenas se você tiver maturidade para isso :P.  Brincadeiras à parte, Running Men é uma boa diversão rápida para passar o tempo, é isso.

[LINK PARA O GAME mochigames]

Preview: Happily Ever After (Honeyslug)

Temáticas infantis adotadas em games deste nicho muitas vezes não são bem sucedidas e acabam quase sempre explorando meios fúteis como a chata brincadeira de colocar cores em desenhos pré-definidos (desculpe-me crianças), mas existem games com temáticas infantis interessantes, ainda que fazendo deste nicho uma realidade um pouco melhorada.

Poucos dias atrás a desenvolvedora Honeyslug liberou uma versão demo (download AQUI) do seu próximo game Happily Ever After, e este é um exemplo de game que, embora não seja exatamente destinado ao público infantil, recicla contos clássicos de maneira agradável dentro da sua ideia em tese para tentar ser um prato cheio para todas as idades.

Happily Ever After é um puzzle game de aventura onde o nosso personagem é um blogueiro destinado a encontrar soluções cabíveis para acontecimentos estranhos após uma série de pedidos desconhecidos terem sido submetidos a ele. Repleto de referências fantasias de contos, Happily Ever After fará seu cérebro aquecer enquanto você estiver encarando a variedade de puzzles disponíveis de todos os sabores, caça objetos inteligentes, e tudo isso através de um visual infantil muito adorável.

O lançamento de Happily Ever After está previsto para muito em breve no PC/Mac ($10 dólares) e iPad ($3 dólares) numa data ainda não definida.

[MAIS INFORMAÇÕES]

Ichi (Jay van Hutten e Michiel Nijhof)

Ichi é um puzzle game criado por Jay van Hutten inteiramente centrado no mágico gameplay de um único botão para tudo. O game é curto, propõe 15 puzzles que conseguem — embora à curto prazo, brincar com seu cérebro.

O objetivo em Ichi é coletar todos os anéis visíveis pelos arredores da estrutura adotada nos níveis, daí para alcançar tal realização, existe uma bolinha sem vida que consegue coletar tais anéis caso você consiga guiá-la até estes. Alguns objetos geométricos estarão acessíveis aos seus comandos para que você possa manipulá-los, e claro, facilitar os percursos que a bolinha precisará percorrer para conquistar cada anel até bater o nível. Como nem tudo são flores, a estruturação baseada em linhas de alguns níveis poderá possuir anormalidades espinhosas que provocarão um retry imediato para a bolinha, portanto é muito crucial adaptá-se a essas anormalidade prevendo com antecedência que métodos de percursos a bolinha fará.

http://vimeo.com/25349348

Visuais belos, puzzles inteligentes, sons e efeitos agradáveis e uma excelente mecânica de um botão caracterizam a beleza deste divertido e adorável puzzle game, então não deixe de conferi-lo e torcer por novos níveis, ou quem sabe… uma versão para dispositivos móveis, já que teria tudo para funcionar ainda melhor do que no PC.

[DOWNLOAD AQUI]

Garanta já uma cópia grátis do puzzle game tridimensional “Puzzle Moppet” — por tempo limitado

A desenvolvedora Garnet Games está disponibilizando inteiramente de graça por tempo limitado uma cópia completa de seu game Puzzle Moppet tanto para Windows quanto para Linux.

Puzzle Moppet é um puzzle game tridimensional no qual você precisa salvar uma adorável bonequinha da solidão e depressão profunda provocada pelo espaço deserto em que a mesma vive orientado ela a solucionar os puzzles de cada nível, que consistem na manipulação de blocos que estão dificultando sua passagem até o ponto de saída de cada nível.

AQUI você pode fazer o download grátis do game até mais ou menos umas 9 horas da manhã de amanhã, portanto garantir uma cópia completa deste game o quanto antes é o mais recomendado, isso caso você não queira comprá-lo pelo seu valor comercial de $15 dólares AQUI.

Primeira tech demo jogável de Blocks That Matter para Windows, Mac e Linux é liberada

O game Blocks That Matter da desenvolvedora comandada por dois caras Swing Swing Submarine nunca esteve tão próximo de sua versão para Windows, Mac e Linux como agora, especialmente após a recente liberação de uma tech demo, que mesmo sendo propositalmente liberada para fins de teste, consegue apresentar bem um pouco do que esperar de Blocks That Matter em sua versão para computadores.

Blocks That Matter é um puzzle game de plataforma sobre um minúsculo robô perfurador inicialmente lançado na Xbox Live Indie Games do Xbox 360 (compre AQUI) pouco tempo atrás, cujo conceito, intencionalmente semelhante ao proposto no pequeno game Tuper Tario Tros dos mesmos desenvolvedores, é melhor identificado no forte apreço por blocos especiais que possibilitam soluções viáveis para os incontáveis obstáculos que cada nível do game propõe. Em suma, este game consiste na coleta de blocos com características próprias espalhados pelo cenário, e utilizá-los como meios de passagem para o personagem robô diante obstáculos, que aliás, tem esta como uma de suas habilidades além de também poder perfurar determinados blocos.

O download da tech demo jogável do game para Windows, Mac e Linux está disponível AQUI; conta com cinco níveis e alguns blocos especiais.

[MAIS INFORMAÇÕES]

Super Puzzle Platformer (Andrew Morrish)

Misturas ousadas as vezes proporcionam curiosos resultados, como é o caso de Super Puzzle Platformer, que mediante a mistura entre puzzles baseados em blocos coloridos e match-3 com uma premissa de ação consagrada em games de plataforma entrega algo divertido e extremamente viciante.

Super Puzzle Platformer propõe atravez de um herói de capa com sua arma laser uma jogatina descompromissada inteiramente focada em high scores no qual você vai precisar destruir blocos coloridos enquanto os mesmos caem do topo da tela, mas não exatamente destruí-los desesperadamente apenas para não deixar que a demanda destes alcance o topo, pois a boa concepção do match-3 é essencial para destruir uma quantidade considerável de blocos a partir de suas respectivas cores e ainda por cima garantir maiores scores.

Quanto mais você avançar no game, mais desafios entrarão em cena, então é necessário um certo preparo em relação aos blocos espinhosos e grupos de blocos coloridos que devem cair ao decorrer da sua empreitada contra esses blocos. Como os blocos deixam cair partículas após destruídos, quanto mais partículas você conseguir coletar, melhor; porque essas partículas servem para aumentar a expectativa de vida do nosso herói e também proporcionar melhorias significativas para as balas da arma laser, todavia é preciso saber que as partículas são válidas somente contra blocos que caírem do topo, e que caso isso ocorra você perderá uma alta quantidade de partículas ocasionando em uma perca de habilidades por parte da arma laser.

[PLAY AQUI]

[DOWNLOAD AQUI]

Greedy Bankers (Alistair Aitcheson)

Enquanto conferia meus feeds deparei-me com um rápido post publicado no IndieGames.com sobre  Greedy Bankers, singelo puzzle game de arcade nascido no Experimental Gameplay Project que ocorreu no ano passado, e que eu acabei deixando de escrever por aqui até então.

Greedy Bankers é um divertido game que convoca você a entrar dentro de um ciclo de ganância trabalhada nos atos que banqueiros aficionados pela alta demanda por dinheiro encaixam-se que vai acabar emparedando você em uma inexplicável obsessão contínua pela manipulação de jóias que se bem interligadas geram um bom e bobo score baseado em “$”.

Em si, Greedy Bankers consiste em um tabuleiro onde há jóias coloridas, ladrões e entulhos que aos montes são despejados no tabuleiro para dificultar sua empreitada rumo ao rápido futuramento. Seu objetivo neste game está voltado ao raciocínio rápido a partir das valiosas possibilidades que cada jóia tem a propor, já que cada uma destas emprega seu valor próprio em “$” assim como quando ligadas as suas cores determinantes este é elevado.

Uma viciante fonte de diversão sem compromisso aguarda por você em Greedy Bankers, que de uma ideia simples e complexa faz jus a muito puzzle por aí.

Obs. Caso seu interesse pelo game seja ganancioso ( 😛 ), diga-se de passagem, uma versão refinada para iPhone/iPod Touch do game está disponível AQUI por $2 dólares.

[DOWNLOAD AQUI]

The Blocked Tunnel (Wrinkled Art)

O melhor identificado como um “website de artes” Wrinkled Art, que pretende apresentar projetos neste contexto comandado unicamente por Bertil Vorre-Grøntved, liberou The Blocked Tunnel, um meio que experimental game point-and-click/aventura em flash via browser trabalhado em um conceito artístico talvez um tanto quanto familiar entre alguns dos mais conhecidos games da Amanita Design, por exemplo.

Este game é sobre um menino pepino que momentos depois de sair da sua casa para apreciar a vizinhança depara-se com o problema de um de seus vizinhos em relação ao inexplicável bloqueio de um túnel até um desconhecido parque secreto, e que resolve simplesmente ajudá-lo, daí você, como player do menino pepino, é o encarregado nessa empreitada.

Acrescentando que são 4 níveis excêntricos desenhados à mão, puzzles aqui e ali pelos cenários e uma boa musiquinha de fundo para tornar sua passagem por The Blocked Tunnel apreciável. 😛

CLIQUE AQUI PARA JOGAR O GAME

O puzzle game tridimensional “Cubetastic” é lançado para PC e Mac

Depois do sucesso nos dispositivos iPhone e iPad com boas vendas, o puzzle game tridimensional Cubetastic do pequeno estúdio independente doPanic é lançado também para PC e Mac. Cubetastic propõe puzzles centrados em um cubo e suas partes, semelhante ao conhecido Cubo Mágico, mas com uma concepção de desafios totalmente diferentes, já que nesse game o objetivo é guiar uma luz atravez das partes coloridas do cubo até a parte de saída presente em cada nível. A jogabilidade, que é bem simples por sinal, requer algumas poucas noções próprias de rotações e combinações para movimentar as partes coloridas até juntá-las e fazer destas um caminho que possibilite a passagem da luz para você bater cada nível.

Cubetastic possui um pouco mais de 150 níveis em várias dificuldades, uma variedade de modos, tipos de níveis, integração nativa com redes sociais para você compartilhar estatísticas, conquistas e outras características que podem alimentar sua opinião sobre o game.

Vale mencionar que estas versões do game para PC e Mac são um port focado na boa execução do game em tais plataforma, o que significa que ambas versões não foram trabalhadas para apresentar novidades e recursos muito além dos atualmente presentes em outras versões do game.

Bem, AQUI você pode comprar Cubetastic por $7.99 (em USD) para PC e Mac. A versão do game para iPhone encontra-se disponível AQUI por $0.99 (em USD) e a para iPad AQUI por $1.99 (em USD).

Para experimentar, AQUI você baixa a versão demo para PC e AQUI para Mac.

[MAIS INFORMAÇÕES]